Revista Sucesso

Atualizado em 27/06/2016 11:20

Gastronomia

Gaspacho Andaluz

Tão simples quanto bater uma vitamina no liquidificador, o gaspacho em dias muito quentes, é uma “graça” recebida dos céus.

Da redação

“O gaspacho ibérico é um prato andaluz por excelência, estendido por toda a nossa geografia. Os pratos que se fazem famosos e proliferam muito terminam sem uma fórmula ou receita definida. No caso do gaspacho isto se produz em maior grau. Existem gaspachos com numerosas variantes, tantos como as comarcas ou lugares onde se prepara.”. Do livro Cocina Regional Espanhola.

Tão simples quanto bater uma vitamina no liquidificador, o gaspacho em dias muito quentes, é uma “graça” recebida dos céus. Exatamente como a chuva, só que bem mais gelada. Você não precisa nem ligar o fogo para fazer esse prato leve, super-refrescante e mais, vegetariano e de baixas calorias.

E agora que todo mundo é “chef”, aproveite para trazer à tona sua porção Ferran Adriá, preparando esse prato, que é quase uma espuma. Pode-se criar em cima dele também, acrescentando ou retirando alguns ingredientes. Para acompanhar – pão, torradas, bolachas, croûtons. Algumas receitas vêm já com dicas de tortas salgadas especiais para comer com o gaspacho.

Em outras receitas que tenho, era feito anteriormente um caldo com 1 perdiz, 1 pomba e 1 coelho. Depois de frio, era substituída a água com esse caldo enriquecido. Carnes que combinam muito bem dentro desse caldo, a meu ver, a de peixes, como bacalhau desfiado, carne de lagosta, pequenos camarões cozidos, etc… Anote uma das receitas mais corriqueiras, mas nada banal, do gaspacho ibérico:

Gaspacho Andaluz
(para 4 pessoas)

Pré-cozinhe o arroz colocando-o numa panela de pressão. Para 2 copos de arroz, 4 copos de água. Use sempre o dobro de água. Uma pitada de sal. Depois que levantar fervura, abaixe o fogo e deixe mais uns 20 minutos.

Enquanto isso, prepare:

6 tomates maduros mas firmes
1 pepino grande
250g de pão ralado
3 pimentões vermelhos pequenos
1 dente de alho
1 colher de café de páprica doce
1 litro de água filtrada gelada
1 copo tipo americano de azeite de oliva
2 colheres de sopa de vinagre ou limão
Sal a gosto
Pimenta a gosto
Alguns galhinhos de salsinha finamente picados.
Limpe e descasque os tomates, o pepino e os pimentões. Corte em pedaços e bata-os no liquidificador com um pouco da água, a páprica, a pimenta. A pasta obtida coloque numa sopeira, junte mais água e o pão ralado. Misture e guarde na geladeira por uma hora.

Na hora de servir, em um pilãozinho, amasse o dente de alho com o sal, até ficar pulverizado, e misture ao vinagre e ao azeite, Acrescente ao conteúdo da sopeira, misture tudo bem e adicione mais água. Sirva com a salsinha por cima. Pode decorar também com pedacinhos quadrados (ou redondos!) de pepino, tomate, pimentão. Saboreie o gaspacho em xícaras ou cumbucas para consomê e colher de sopa.

É como sorver a mais deliciosa das saladas.

 

GASPACHO, sopa fria

Colunista

Maria de los Angeles

Autodidata, especialista em culinária espanhola e cronista gastronômica
maria@delosangeles.com.br

Veja mais artigos
Mais lidas
  1. Uma sobremesa muito refrescante
  2. SARDINHAS
  3. Alióli
  4. Cuscuz Rodolfo Valentino
  5. Gaspacho Andaluz
  6. Cacau do bom
Leia também
  1. Feijão Branco à Moda Castelhana
  2. Uma sobremesa muito refrescante
  3. Tortilha Espanhola
  4. Pão Primavera
  5. Um bolo com gosto de sítio
  6. Um pão especial