Revista Sucesso

Atualizado em 08/08/2016

Educação

Educação Infantil: um mundo de descobertas

A educadora Luciana M. Zangaro explica a importância dessa fase para o desenvolvimento da criança

Da redação

 

A educação infantil (EI) é a primeira etapa da educação básica e tem como finalidade o desenvolvimento integral da criança. No Brasil, desde a constituição de 1988 e o advento da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB), de 1996, a EI vem registrando avanços e sendo percebida como uma etapa importantíssima para a formação do ser humano.

Mas de onde vem toda essa importância? Que mudanças aconteceram que valorizaram essa etapa da educação? Segundo a pedagoga e socióloga Luciana Moura Zangaro, diretora da Galileo Kids, escola especializada em educação infantil, essa importância é resultado da mudança na concepção de infância, bem como da valorização que foi dada a esta etapa a partir da constituição de 1988, quando a EI deixava de se constituir em cuidar para se transformar, ainda que legalmente, em obrigação do Estado e direito da criança. “A Educação Infantil de hoje deixou de ter um caráter puramente assistencialista e busca situar a criança como um ser social, histórico e produtor de cultura”, afirma.

Por que as crianças devem frequentar a EI? O propósito, segundo Luciana, é que as crianças vivenciem experiências significativas para sua vida, a fim de estimular sua curiosidade, conhecer e descobrir espaços diferentes e enriquecer sua visão do mundo. “Toda atividade pedagógica desenvolvida na Educação Infantil caracteriza-se por promover o enriquecimento das experiências das crianças, ou seja, um trabalho que desperte o interesse pelo conhecimento e oportunize a descoberta do mundo, das relações sociais e afetivas, dos movimentos, dos objetos, da natureza, do próprio corpo, da criatividade, da expressão da vontade, contribuindo assim para o seu pleno desenvolvimento.” Dessa forma, segundo a pedagoga, potencializa-se o desenvolvimento da criança e se criam condições para que ela desenvolva habilidades e competências necessárias ao ensino fundamental.

Como a EI promove o desenvolvimento? Tudo que é simples para nós, adultos, pode ser para as crianças motivo de grande descoberta e desenvolvimento. Por isso, atividades simples do cotidiano, brincadeiras que podem parecer sem sentido para os adultos – como encaixar peças, amarrar sapatos, aprender uma nova música, entender que é hora do lanche ou de ir para casa, conhecer e reproduzir histórias, desenhar, pintar, brincar de faz de conta, observar plantas e animais do jardim da escola – visam à formação de capacidades especificamente humanas.

Onde as crianças descobrem o mundo? Quando estimuladas com as ferramentas adequadas para despertar sensibilidade e criatividade, as crianças não só descobrem o mundo, como o interpretam e agem sobre ele. “Além disso, enquanto educadores, temos que aprender a observá-las e ouvi-las, pois, enquanto se expressam, estão sempre mostrando o que já conhecem e questionando o desconhecido. A curiosidade é algo intrínseco à criança, elas são pequenos filósofos que buscam nas suas vivências as explicações para aquilo que ainda não conhecem, pequenos cientistas inquietos com as coisas que não sabem explicar, que gostam de descobrir e estão incessantemente em busca de respostas”, afirma. Por trás das perguntas, de acordo com a educadora, encontram-se conceitos científicos importantes que propiciam espaços de investigação para muitas aprendizagens.

Educação Infantil: tempo e espaço de experiências e descobertas. Para Luciana, a EI deve ser pensada como tempo e espaço de experiências formativas essenciais ao desenvolvimento da criança pequena, e esse espaço deve ser construído valorizando a criança como sujeito de suas aprendizagens e de seu desenvolvimento, devendo estar, portanto, sempre envolta de práticas significativas, lúdicas e prazerosas. “Considerar a EI como espaço e tempo de vivências fundamentais à formação física, emocional, cognitiva e social da criança significa valorizá-la como um momento de preparo para a vida”, conclui.


Luciana Moura Zangaro
 (Galileo Kids)
Rua Denis Papin, 450 – Jardim Jamaica – Londrina –PR
Telefone: 43 3039-1099
facebook.com/GALILEOKIDS
www.escolagalileokids.com.br

revista bem-estar, sucesso, Luciana M. Zangaro, Galileo Kids, educação infantil
Mais lidas
  1. Soluções inteligentes e funcionalidade
  2. Cuidar das articulações garante vitalidade
  3. Ouvir bem é vida
  4. Disfunção eréctil: será que vou ter?
  5. Cálculo renal: previna-se com hábitos...
Leia também
  1. O BRASIL MERECE MAIS!
  2. Confiança que gera esperança
  3. Um hiato entre o medo e a esperança
  4. MOVIMENTO LIVRE DOS BEBÊS: desenvolvimento e...
  5. Desenvolver a criatividade é preparar para...